13.8.10

 

Depois uma excelente campanha publicitária que a Porto Editora fez no lançamento do livro, O Hipnotista captou a minha atenção.

Houve um dia em que estava a passar pela estação do metro da Trindade e havia umas meninas a distribuir o primeiro capítulo do livro. Comecei a ler e tive que comprar (não fui eu que comprei, pedinchei ao meu mais que tudo). Desde que comecei a ler, devoro página por página no pouco tempo que disponho.

 

Visitem aqui a página da Porto Editora dedicada ao livro.

 

Sobre a história:

'A obra de Kepler introduz-nos Erik Maria Bark: o mais famoso hipnotista da Suécia. Acusado de falta de ética, e com o casamento à beira do colapso, jurou publicamente nunca mais praticar a hipnose nos seus pacientes e há dez anos que se mantém fiel à sua promessa. Até agora.
Em Estocolmo, uma família é brutalmente assassinada e a única testemunha está internada no hospital em estado de choque; Josef Ek, de apenas 15 anos, presenciou o massacre dos seus pais e da irmã mais nova, sendo ele próprio encontrado numa poça de sangue, vivo por milagre.
Nessa mesma noite, Erik Maria Bark recebe um telefonema do comissário Joona Linna solicitando os seus serviços – urge descobrir a identidade do assassino e para tal Josef deverá ser hipnotizado. Erik aceita a missão com relutância, longe de imaginar que o que vai encontrar pela frente é um pesadelo capaz de ultrapassar os seus piores receios.
Dias mais tarde, o seu filho de 15 anos, Benjamin, é sequestrado da própria casa. Haverá uma ligação entre estes dois casos? Para salvar a vida de Benjamin, o hipnotista deverá enfrentar os fantasmas do seu passado e mergulhar nas mentes mais sombrias e perversas que jamais poderia imaginar; o que tinha por difuso revela-se abominável, o que tinha por suspeito surge como demoníaco. Para Erik, a contagem regressiva já começou...'

 

link do postescrito por anid, às 22:28  opina à-vontade

12.8.10

Tal como prometido, e com alguns dias de atraso, aqui vão algumas fotos do nosso fim-de-semana em Miranda do Douro e Zamora.

 

Miranda do Douro

 

Miranda do Douro - Rio Douro

 

 

 

Barragem de Miranda do Douro

 

 

 

Parque Urbano do Rio Fresno - centro de Miranda do Douro

 

 

 

Zona histórica de Miranda do Douro

 

 

 

Zamora - Plaza Mayor (Edificio da Polícia)

 

 

 

Catedral Santa Iglesia de Zamora

link do postescrito por anid, às 22:07  opina à-vontade

8.8.10

Miranda do Douro. Sabem onde é? É uma terrinha bem perto da fronteira com a nossa vizinha Espanha, muito acolhedora, muito bonita e com uma vista de tirar a respiração para o rio Douro e as suas escarpas.

 

Fomos na sexta-feira a meio da tarde (a viagem do Porto até lá dura quase quatro horas...) e 'aterramos' no Parque de Campismo Municipal, que tem pessoas muito simpáticas, que nos fazem sentir bem recebidas. Pernoitamos duas noites, chegámos há pouco ao Porto.

 

Passeamos um pouco na sexta por Miranda e no sábado a meio da manhã rumámos a Espanha, mais concretamente a Zamora. Temos por hábito querer conhecer a parte antiga das cidades que visitamos e esta não nos deixou desiludidos. Fizemos todo o percurso a pé (apesar de se poder andar por lá de carro) e almoçamos por lá. É lindíssima esta zona. Quase toda ela foi recuperada (é um processo ainda em continuidade) e vê-se uma mistura de fachadas antigas com linhas modernas, que contudo não destoam muito umas das outras.

 

A meio da tarde, sob um calor intenso, demos um saltinho a Alcanizes (Alcañices), só para ter o prazer de dizer que fomos ao local onde foi assinado o Tratado que definiu os nossos limites fronteiriços...

 

Chegamos ao final da tarde a Miranda do Douro, onde visitamos a parte velha, com o seu castelo praticamente todo destruído. Fomos jantar a Sendim, uma localidade a mais ou menos a 20 kms, ao restaurante a Gabriela, onde se diz ter tido origem o famoso prato Posta à Mirandesa.

 

O Domingo foi para o relax. Tomámos o pequeno-almoço lá no campismo e descansamos sob a sombra das arvores lá no barzinho. Perto das onze arrumamos as tralhas, visitamos a zona ribeirinha de Miranda e preparámo-nos para a viagem de regresso.

 

Confesso-vos que cheguei cansada, muito cansada, mas com a sensação de que foi um fim-de-semana muito bem aproveitado mesmo.

 

Já foram a Miranda do Douro? Se sim, qual a vossa opinião?

 

Hoje ou amanhã coloco fotos para vocês verem.

 

link do postescrito por anid, às 17:08  cusquices (1) opina à-vontade

pesquisa
 
mais sobre mim
Agosto 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Leitura em curso
Neste momento não leio nada, apenas escrevo...
comentários recentes
PROGRAMA DE AFILIADOS!Você está a procura de um re...
aqui no Brasil a gente fala muito mal o nosso idio...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
Bom post!Eu Acho exactamente o mesmo, mas também a...
por acaso tambem andei muito a procura desta music...
Posts mais comentados
subscrever feeds
blogs SAPO